Meu primeiro Halloween nos EUA | Hey, Au Pair!

Acredito que um dos momentos mais divertidos até agora nesse intercâmbio foi toda essa preparação do Halloween. As roupas, as decorações e aquele sentimento que parece que você está em set de filmagens.

Então resolvi contar para vocês sobre algumas atividades que participei nesse Halloween nos EUA: Pumpkin Patch, as casas todas decoradas, a compra da fantasia, a festa, o evento da Cultural Care e aquele dia tão esperado de pedir doces.

Eu juro que eu queria ter sido criança aqui pelo menos nessa época do ano, é bem especial.

Vamos começar então?

Pumpkin Patch

Pumpkin significa Abóbora, então a Pumpkin Patch são espaços normalmente na zona rural que estão cheios de abóboras para o mês de outubro.

Só que com o crescimento das festividades a Pumpkin Patch virou muito mais que apenas escolher grandes abóboras. Com isso começaram a acrescentar outras atividades, como passeio naqueles caminhões de fazenda, trenzinhos para as crianças e até tiro ao alvo com abóboras.

É um passeio bem família de se fazer e tem por todos os lados nessa época do ano.

Casas decoradas

Uma das coisas mais legais foi que o Halloween é exatamente como é mostrado nos filmes. As pessoas realmente se puxam muito para decorar as casas, algumas ficam mais assustadoras e outras mais fofas.

Abóboras, teias de aranha, espantalhos e fantasmas ficam por todos os lados, é super divertido caminhar e observar todas essas decorações.

E isso não acaba só nas casas, as lojas também entram valendo na brincadeira e ficam completamente decoradas. Igual o nosso Natal, mas das bruxas haha.

Não encontrei nenhuma foto das casas, mas se não me engano tenho alguns vídeos no meu instagram…

Comprando fantasia

Acho que na verdade todas as partes do Halloween são super divertidas, planejar, experimentar e comprar a fantasia é uma delas.

Aqui as pessoas gostam muito de entrar na brincadeira e não costuma ter deboche (pelo menos na minha experiência). É muita troca de elogios e histórias com as fantasias.

Para comprar a minha fui em uma loja chamada “Spirit Halloween” que é toda para a data.

Lá você encontra fantasias completas, acessórios de tudo que é tipo, bonecos gigantes e muitas outras coisas do fofo ao assustador para o Dia das Bruxas.

Se você for uma pessoa criativa consegue fazer a sua fantasia sem gastar muito, fazendo tudo em casa ou apenas com acessórios.

Eu não fui essa pessoa (risos), gastei U$50,00 para comprar uma fantasia completa da Chapéuzinho Vermelho (sem a cesta, pois era mais 10 dols).

Cheguei a escolher outra fantasia antes, um pouco mais cara, retornei para a loja, troquei e ainda peguei a diferença de volta.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Festa de Halloween

Sabe aquele conselho que sempre ouvimos nos grupos? Então, ouçam! Não venham antes de ter 21 anos. Eu não sou uma pessoa de festa, só queria muito ir em uma de Halloween e foi super difícil achar uma festa que eu pudesse entrar.

A única festa que achei era em San Francisco, ia tocar Hip Hop e custava 30 dólares.

Foi legal ir e encontrar muita gente com as fantasias diferentes, o local estava todo decorado e também teve competição da melhor fantasia da noite.

Valeu a pena como uma primeira experiência de Halloween, mas eu preferia mil vezes ter ido em alguma outra festa que o estilo combinasse mais com o meu.

Não gostei do lugar por causa das músicas, era extremamente cansativo de ouvir, e também porque as pessoas fumavam lá dentro, no meio de todo mundo.

Evento da Cultural Care

Uma vez ao mês a agência que eu vim para o au pair faz uma “au pair meeting”. Costuma ser algo divertido que permita conhecer as outras meninas (ou meninos) da região e ainda ter um contato com a LCC para garantir que está tudo certo com a sua Host Family.

Só que duas vezes ao ano esse evento também é aberto para as Host Families e foi o que aconteceu em outubro.

Cada um levou um prato de comida e abóboras para decorar. Lá tinham diversas coisas para usar, cortar e decorar as abóboras de acordo com sua criatividade. Todo mundo participou, não importava se era criança, adolescente ou adulto.

Depois ainda tiveram algumas brincadeiras com as crianças e alguns sorteios de prêmios para as au pairs.

Doces ou Travessuras

Todo mundo fica preparado para no dia 31 de outubro ter doces e pelo menos uma pessoa em casa para abrir a porta para a criançada. É incrível como todo mundo entra na brincadeira e vão de casa em casa falando “trick or treat”.

Aqui em Los Altos ainda teve um “carnaval” no centro da cidade. Todas as lojas estavam preparadas e as famílias foram de loja em loja pedindo doces (e recebendo haha).

Foi o dia mais fofo desse universo, até os bebês estavam fantasiados, coração derreteu né.

candys

Essa foi a minha primeira experiência com o Halloween, se você quiser ver mais fotos estão todas nos meus destaques do instagram!

Você também pode gostar de ler:

 

 

 

Anúncios